Era uma vez um encontro, depois dois, três…

 

Tudo começou por causa de uma conversa entre os alunos do curso de interpretação da Versão Brasileira, durante um happy hour no início de 2014.  Já era comum nos encontrarmos em cafés, bares, restaurantes ou outros espaços, para sair um pouco da “toca” ou receber colegas visitando a cidade. Mas faltava um espaço para encontros regulares nos quais, além de investirmos no networking, pudéssemos discutir práticas de mercado, desenvolver projetos e compartilhar conhecimentos. Atrás da ideia, veio a oferta gentil do espaço na escola Yázigi. Foi assim que começamos nossas reuniões de trabalho, nas quais também não faltam os momentos mais descontraídos do café, sempre acompanhados de bom papo (o pontapé inicial de muitas parcerias).

Das conversas vieram as ideias, os projetos, as ações coletivas. E acabamos indo além do espaço no Yázigi, ocupando vários outros meios, crescendo juntos, desenvolvendo o germe de um mercado mais profissional por aqui. Entre os espaços que já ocupamos estão as universidades: queremos incluir mais participantes do meio estudantil, onde pode estar boa parte de nossos futuros colegas. E de contato em contato vieram cursos, oficinas, palestras em outros locais e até a organização de viagens em conjunto para participar de congressos, dividindo despesas de hospedagem e deslocamento.

Muitas ideias depois veio a criação deste site, motivada pela necessidade de termos um ponto central de difusão de informações e de organização de ações mais sistemáticas. As perspectivas são animadoras, empolgantes até, em termos de tudo que podemos criar juntos, ainda mais com a participação de profissionais de outras áreas, trazidos pelos colegas.

Uma das decisões importantes que tomamos, por exemplo, foi a criação de um Código de ética, que seria a base de uma futura associação. Mas depois de debatermos o que a criação de uma associação traria em termos de benefícios em face do custo e esforço necessários para fundá-la, chegamos à conclusão de que nosso trabalho coletivo já satisfaz nossas necessidades e criamos o Coletivo idenTIdade de Tradutores e Intérpretes, um grupo independente e disposto a atuar em prol dos envolvidos. E que agora agrega, além do grupo de Curitiba, outros grupos em Porto Alegre, no Rio de Janeiro , em São Paulo, Recife e em Maringá.

Gostou da ideia? Quer participar? Fale conosco ou apareça em um dos nossos encontros, que são sempre abertos, gratuitos e anunciados aqui.

Comentários 10

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *